Flagrante(s): por que Brasil 247 compra “audiência” fake?

  • Flagrante(s): por que Brasil 247 compra “audiência” fake?

    Link pro programa de 16/nov/2018.
    Link pro programa de 10/jun/2018.

*

E por que publicizar o(s) flagrante(s)?

Por que ser “deselegante”?

Porque precisamos saber quem é quem na resistência democrática. Quem efetivamente luta pelas emancipações “gêmeas”: da nação e do povo brasileiro.

Ora, estamos em guerra!

Ainda por cima, híbrida! Forma na qual estratégia de comunicação e táticas diversionistas exercem papel central. Assim como infiltração e falsa bandeira.

Lembremos Sun Tzu:

Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas.

 

Quem está por trás do site?

Quem pode bancar despesas fúteis como essa, de pagar por visualizações – fake?

Paulo Henrique Amorim diz que é o banqueiro-bandido Daniel Dantas, rei na era da privataria de FHC…

Dantas seria, portanto, alguém interessado nessas emancipações, “gêmeas”?

Ou será que, de repente, virou filantropo?

Um que banca site (supostamente) “de esquerda”, sem interesses maiores?

*

Em tempo: o referido site já patrocinou diversos ataques ao Duplo Expresso (aqui e aqui, p.e.). Não foi o único. A “Blogosfera (dita) Progressista” atuou em pool, mais de uma vez, em operações de blitzkrieg para tentar, sem sucesso, detonar este espaço.

Notem: sempre em momentos chave, em que trazíamos, com muito esforço e com recursos infinitamente mais limitados, informações que podiam virar o jogo – em desfavor do Golpe.

Alguns exemplos, compilados anteriormente:

 

Para quem essa gente trabalha de verdade?

Para as emancipações “gêmeas”, do Brasil e dos brasileiros, é que não é.

Muito menos pela liberdade de Lula.

Lembremos: Sun Tzu!

*

O problema:

A “PINÇA” PIG vs. “GLOBOSFERA” levando o debate público para onde – o Golpe – determina:

(2/mai/2018)

(…)
Nada de se estranhar muito nessa “parceria” entre Estadão e 247. Trata-se, como vimos insistindo, de clara aplicação da tática da pinça para a manipulação do debate político. Nela, controla-se, de maneira concertada, a pauta que alimentará o embate entre os polos rivais, tanto à direita como à esquerda:

(24/mar/2018)
Não cansamos de repetir: o Duplo Expresso não faz o jogo do Cartel Midiático brasileiro. Assim, não reproduzimos o seu conteúdo apenas – à guisa de “contraponto” (sic) – trocando o seu sinal. Ou seja, fazendo com que o que sai na Globo como “bom” vire “ruim”. E vice-versa. EM VEZ DE FAZER PARTE – DELIBERADAMENTE (?) OU NÃO – DA “PINÇA” QUE MANIPULA, COM A PERNA DA DIREITA E DA ESQUERDA ATUANDO CONCERTADAMENTE, O RUMO DO DEBATE POLÍTICO, LIMITANDO-O A (A) VS. (-A), PREFERIMOS FALAR DE B, C, D… Z. Afinal, como sempre disse Roberto Marinho, muito mais importante do que o que o Jornal Nacional dava era o que não dava.

Certo?

Dessa forma, em vez de nos deixarmos pautar pela fake news da Folha, constituindo a perna “esquerda” da pinça (como veículos da GloBosfera prontamente fizeram), não nos limitaremos a multiplicar o seu conteúdo por (-1). Aliás, como veremos adiante, teve veículo da GloBosfera que, malandramente, multiplicou-a por… (-1)2 ! Em vez disso, como costumamos fazer, partimos para uma meta-análise desse “noticiário” (sic). Isso porque aqui, como sói acontecer em política, o subtexto é muito mais importante que o texto.

*

(11/abr/2018)
O diversionismo da vez. Seguindo a TÁTICA DA PINÇA, MÍDIA DE DIREITA E DE “ESQUERDA” (ENTRE ASPAS MESMO) PROMOVEM SEQUESTRO DE PAUTA. Em vez de falar do calvário de Lula nas mãos de Moro e da CIA, da mobilização das bases para resistir (i.e., a de verdade!), incensam áudio plantado pela Rede Globo com mensagem de desmobilização.
Por quê?
(pergunta retórica, claro)

*

Não há choque sequer. Afinal, todos já testemunhamos, meses atrás, ação concertada ainda mais desabonadora na mesma “GloBosfera”. Refiro-me, evidentemente, ao flagrante que registrou – santo print! – o DCM “republicando” (aspas) “notinha” da Lava Jato plantada n’O Antagonista (!) ANTES mesmo de esse último publica-la… em “primeiro lugar” (!)

 

*

(11/abr/2018)

A tática da pinça explicada a partir do min 7:45:

O diversionismo da vez. Seguindo a tática da pinça, mídia de direita e de “esquerda” (entre aspas mesmo) promovem sequestro de pauta. Em vez de falar do calvário de Lula nas mãos de Moro e da CIA, da mobilização das bases para resistir (i.e., a de verdade!), incensam áudio plantado pela Rede Globo com mensagem de desmobilização.
Por quê?
(pergunta retórica, claro)

  • Extrato do Duplo Expresso de 26/mar/2018. Integralidade aqui.

*

*

*

P.S.:

*

P.P.S.:

  • Vídeo de Shane Dawson (inglês) sobre o esquema fraudulento de compra de visualizações:

 

Acha o nosso trabalho importante? Reforce a nossa causa em apenas 2 segundos: apoie a sua divulgação tornando-se um Patrono do Duplo Expresso

Facebook Comments

Romulus Maya

Advogado internacionalista. 10 anos exilado do Brasil. Conta na SUÍÇA, sim, mas não numerada e sem numerário! Co-apresentador do @duploexpresso e blogueiro.