O genocídio de uma população inteira e a “Guerra às Drogas” como pano de fundo

Da Redação do Duplo Expresso

No vídeo de hoje, Maria Eduarda Freire, expõe o pretexto da “Guerra às Drogas” para uma política de Estado de Extermínio através da associação de determinadas drogas tornadas ilícitas a grupos sociais, os marginalizados, os inimigos dessa guerra.

A “Guerra às drogas” serve à estigmatização e criminalização dessas pessoas desde a lei anti-drogas do partido dos trabalhadores que atendeu ao clamor público midiático, passando pela súmula 70 do TJ-RJ, responsável pelo encarceramento em massa dos pobres, negros e moradores das favelas.

Maria Eduarda fala da necessidade da legalização e consequente regulação e controle da produção, do comércio e do consumo de todas as drogas, para que se ponha fim à essa política penal que pune apenas a ponta mais frágil do tráfico e está completamente fadada ao fracasso.

Confira o vídeo!

 

Acha o nosso trabalho importante? Reforce a nossa causa em apenas 2 segundos: apoie a sua divulgação tornando-se um Patrono do Duplo Expresso

Facebook Comments