Diários da Pandemia: quarentena e reflexão (3)

Por VIC VERMEL

Entre a cruz da pandemia e a espada do Bozo eu, sinceramente não sei o que fazer! Voltar à vida normal? Sair pra vender meu artesanato? Ou continuar em casa? Comendo, dormindo,  muito brava por estar presa…? Apertada entre as paredes da minha até então amada casa.

Não sei no que acreditar, tamanha a quantidade de informações…

Será uma nova (des)ordem mundial? Em que jovens agridem mais velhos nas ruas, como se esses fossem os culpados pela doença e não suas vítimas? Polícia nas ruas abordando o cidadão que não pode mais ir e vir? Esse vírus é assim tão terrível?Todo mundo monitorado pelas autoridades, carregando no bolso seu próprio carcereiro androide?

Aliás, já não sei nem o que pensar… Nesse cabo de guerra, meu cérebro foi tão lavado que ficou em branco… Vazio. Muita falação, muita informação. Desconfio das notícias “oficiais” mais que do palpite leigo. Tantospoderes manchados pelos interesses eleitoreiros e dos grandes negócios e negociatas.

Vejo as pessoas mascaradas enluvadas protegendo seus medos e apegos enquanto eu receio me aproximar do meu filhão que foi jogar na casa de um amigo… melhor manter a saúde mental arejada? Algum ar puro, sol, risadas… Ou me deixar convencer pelo pânico da mídia? (Mas estão todos tão de acordo…) Ficar com nojo dos amigos e lambuzar de álcool gel meu cartão de débito que entrego à balconista entrincheirada lá atrás?

O que está acontecendo? É uma arma biológica? Qual o efeito da cloroquina baratinha (1 euro a cartela c 10 comprimidos)?  Dentro daqueles caixões tem mesmo corpos? Ou é só cenário? Acho que jamais saberemos… A consequência da “era da informação” é a desinformação por excesso… Jamais saberemos. Que sonho ruim.

ACORDA! prá que lado mesmo? Você sabe?

Vic, é educadora e artesã. Expressonauta desde o início, está nos coletivos VIDEODROPS, DEcionário eRadioExpressa. Viajante inveterada e rebelde de nascença, nesta pandemia não sabe exatamente contra o que estamos lutando.

Ver também:

Diários da Pandemia: chegou a hora de ir para casa

Diários da Pandemia: quarentena e reflexão (2)

Diários da Pandemia: quarentena e reflexão (1)

Diários da Pandemia: na linha de frente (2)

Diários da Pandemia: num condomínio de alta classe média

*

*

*

Canal do DE no Telegram: https://t.me/duploexpresso
Grupo de discussão no Telegram: https://t.me/grupoduploexpresso
Canal Duplo Expresso no YouTube:
https://www.youtube.com/DuploExpresso

Áudios do programa no Soundcloud: https://soundcloud.com/duploexpresso
Link para doação pelo Patreon: https://www.patreon.com/duploexpresso
Link para doação pela Vakinha: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/643347
Duplo Expresso no Twitter: https://twitter.com/duploexpresso
Romulus Maya no Twitter: https://twitter.com/romulusmaya
Duplo Expresso no Facebook: https://www.facebook.com/duploexpresso/
Romulus Maya no Facebook: https://www.facebook.com/romulus.maya
Grupo da Página do DE no Facebook: https://www.facebook.com/groups/1660530967346561/
Romulus Maya no Instagram: https://www.instagram.com/romulusmaya/
Duplo Expresso no VK: https://vk.com/id450682799

Acha importante o nosso trabalho? Fácil - clique no botão abaixo para apoiá-lo:

Facebook Comments