Video #5 – Wellington Calasans conversa com o comentarista político chileno Victor Musa

Por Wellington Calasans, para o Duplo Expresso

A hipocrisia no planeta é a maior semente do fascismo. Impressiona como alguns países citam o aventureiro, capacho dos EUA, Juan Guadió, como o “presidente interino da Venezuela”. A dúvida é saber quem é mais fascista, um aventureiro ou quem o incentiva nessa aventura.

O recente episódio, tentativa de golpe, com direito a bando de traidores fardados foi levado a sério por alguns. Seria realmente cômico se tudo isso não fosse uma tragédia construída a cada passo ridículo como este. A Venezuela tem petróleo e ouro demais para que os piratas do planeta permitam que aquele país exista como uma democracia.

Faço essa introdução porque ao entrevistar o apresentador e comentarista político do “Canal Aberto” aqui da Suécia, Victor Musa, tive a preocupação de ouvir a opinião dele sem interferir. Queria trazer neste vídeo uma opinião de alguém que respira a política da América Latina, principalmente dos países de língua espanhola (todos, menos o Brasil).

Aproveitei para falar um pouco também sobre o Chile, Guedes de Bolsonaro, Chicago Boys, etc. O neoliberalismo deve sempre ser tema de debate entre nós. Por isso, pedi a alguém que nasceu e cresceu no Chile, e que teve que deixar o seu país por conta da ditadura, para falar algumas razões para impedirmos o avanço dessa destruição promovida por este aventureiro sem escrúpulos, Paulo Guedes.

Espero que vocês gostem do vídeo e compartilhem com os seus contatos.

P.S.: Este vídeo foi gravado na sexta-feira 3 de maio. No mesmo dia que gravei o vídeo anterior sobre a Lava Jato. Digo isso porque o trabalho da equipe do Duplo Expresso é de puro ativismo e a dedicação de tantas horas à nossa página e aos nossos projetos merece um pouco mais de respeito. As ameaças contra quadros da nossa equipe, inclusive contra mim, não tiram o nosso desejo de fazer mais e melhor, mas os comentários depreciativos de alguns energúmenos que se dizem “de esquerda” e aceitam este cenário atual tão passivamente, isso é realmente vergonhoso e irritante. Consideramos “rodar guarda-chuva” ou “micaretas” uma aberração. A destruição do Brasil e do estado social é real, não podemos fingir que estamos lutando. Nós do Duplo Expresso seguimos, pois sabemos que nem todos estão preparados para encarar a verdade, sempre foi assim no senso comum, sobretudo entre aquelas pessoas presas a um mundo paralelo e confortável da *Globosfera brasileira.

*Globosfera é o nome mais adequado que encontrei para designar o grupo de blogs que fingem fazer ativismo, mas servem apenas de reafirmação dos interesses da Globo. Comentam até novela e dizem que isso é “um ato político de resistência”.

Acha importante o nosso trabalho? Fácil - clique no botão abaixo para apoiá-lo:

Facebook Comments

Wellington Calasans

Jornalista, Radialista, Ativista Político, Sonha com um Brasil parecido com a Suécia e uma Suécia com o sol do Brasil, o sonho é livre.