Delações na Lava Jato e Odebrecht: verdade(s) que só crentes veem, por Romulus

“Delações” na Lava a jato, Odebrecht e a teoria que “consuma” o “fato”: “verdade(s)” que só “crentes” veem
(com todas as aspas)
Por Romulus
Dias atrás o Nassif resgatou no “Xadrez…” aquela antiga dica dada pelo Eugenio Aragão no Brasilianas, acerca da disseminação, torta, da tal “teoria do fato” nas investigações do MPF (aqui).
Pois agora vemos mais uma demonstração cabal nos vazamentos de delações dos executivos da Odebrecht.
Na perversão da “teoria do fato” (consumado?), o investigador adota o mesmo modus operandi do estatístico manipulador dos números:
– Ali, como diz o Delfim Netto, “batendo o suficiente os números dizem o que se quer que eles digam”.
(nada a ver com as técnicas de interrogatório do regime a que serviu, nem com as modernas técnicas de negociação de “cooperação” premiada em Curitiba, certamente).
– Aqui, no caso específico da Lava a jato, foi descoberta a seguinte equação (“redentora”):
Caixa 2 + lobby = corrupção

Autores

Facebook Comments

Romulus Maya

Advogado internacionalista. 12 anos exilado do Brasil. Conta na SUÍÇA, sim, mas não numerada e sem numerário! Ativista, jornalista e Editor-chefe do @duploexpresso.

Romulus Maya has 1799 posts and counting. See all posts by Romulus Maya