Especial: Pepe Escobar & Elias Jabbour respondem: estamos no Séc. da China?

Especial: Pepe Escobar & Elias Jabbour respondem: estamos no Séc. da China? – D.E.14/ago/2020

Mais:

– LÍBANO | EUA | DARIO MESSER | PT/ LULA

 

Destaques:

Diretamente da Suíça, Romulus Maya, Editor-chefe do Duplo Expresso, recebe Pepe Escobar e Elias Jabbour (link para o curso sobre China aqui) em edição especial do programa, respondendo a pergunta do… trilhão: “O Século da China” — sim? Não? O que muda no jogo global (e para o Brasil).
Mais: Dario Messer, com a renovação (ontem) da “dossiê-cracia transnacional”, e Leonardo Attuch (mais um pendurado em dossiê).
? Incluindo: links — diretos — para cada seção, com redirecionamento para a respectiva minutagem no vídeo!
Referências citadas no programa, durante a transmissão de hoje, já integradas à postagem no site. Incluindo:
– Dario Messer
– Attuch: “operador” de Daniel Dantas, pendurado em dossiê
– Caso Jeffrey Epstein-Ghislaine Maxwell/ Mossad/ “Kompromat” de autoridades e bilionários dos EUA e da Europa
– Lula e a Lista da Odebrecht — i.e., a da Suíça! Para fora, apenas? Por quê?
– “Lista VIP” do #BanestadoLeaks: MUITO real, segundo testemunho do ex-Dep. Dr. Helio
– José Dirceu sente o “calor” em Buenos Aires — e tem de se “sair” (?) com enrolação

*

Seções, com links — diretos — para a respectiva minutagem no vídeo:

00:00:03 Introdução de RM (#OdebrechtPapers/#BanestadoLeaks/#DarioMesser/Zé Dirceu leva um “calor” na Argentina)

00:29:15 Pepe apresenta o seu background na Tailândia & Elias dá o seu background no RJ

00:36:56 Teaser: A vice de Joe Biden (Big Data/Silicon Valley/Wall Street) e o ataque que não pode ser admitido a Beirute

00:40:07 EJ: Bastidores da Praça da Paz Celestial/ Tiananmen – 1989

00:45:32 O pendor ideológico de Deng Xiaoping e o crescimento chinês

00:54:40 Cingapura: a chave

00:57:30 Memória de elefante dos chineses

00:57:40 EJ: mais sobre o papel de Deng Xiaoping; “Corrida para o Oeste” da China

00:58:27 Três momentos que convergem ao que Pepe falou: Mao Tsé Tung (“chefe Confuciano”) fala de Xiaoping, a “cingapurização” (revolucionário-desenvolvimentista tipo asiática), Zonas Econômicas Especiais (territorialização do processo de desenvolvimento)

01:06:55 Complemento sobre o “Desenvolvimento do Oeste”; a unificação da China; minoria muçulmana Uygur

01:25:55 EJ “trolla” o Trotskismo; Pepe e EJ falam de Losurdo e de David Harvey, “o Paulo Coelho do marxismo” (apud Jabbour)

01:28:40 EJ fala sobre suposta “contradição” Mao vs. Deng

01:33:00 Os três debatem as más interpretações, etnocêntricas, do Ocidente sobre a China; discorrem sobre a real história da China e sobre a cosmovisão chinesa

01:41:36 EJ fala sobre o papel do socialismo e da revolução comunista; a ligação histórica entre o PCCh e as dinastias

01:45:54 EJ dá início à discussão sobre Imperialismo; Pepe fala da interferência americana em Hong Kong

01:54:25 RM introduz o tema sobre Dubai como centro de lavagem de dinheiro para Pepe comentar; EJ “trolla” os trotskistas (de novo)

02:00:38 Pepe pede pra EJ fazer a ligação ente “Black Lives Matter” e a atuação do Império na África; Pepe fala do papel da África nas Novas Rotas da Seda

02:05:36 Discussão sobre decadência do Império; a atividade comercial de lobby do clã Pomar, do PT, para estatais chinesas; consenso de Washington; Eleição americana

02:19:35 RM pergunta para Pepe qual o prognóstico para a eleição americana; Caso Epstein: “kompromat” sexual de autoridades e bilionários

02:26:33 RM traz a questão da “dossiê-cracia” transnacional atuando no Brasil; o papel de Dario Messer

02:28:21 RM levanta pra EJ a questão das prostitutas russas em Pequim – espionagem de alto nível

02:34:38 RM surge com a questão “Dalai Lama é odiado no Tibet” e Pepe comenta suas aventuras no Tibet

02:40:47 BOMBA: o que – realmente – ocorreu no LÍBANO

02:42:37 Michell Temer

02:44:10 Beirute: apurações e processo de publicação

02:50:50 Havia dois caças nos ares de Beirute

02:52:46 Não podem admitir: teria de escalar até uma “Terceira Guerra”, ou haveria desmoralização generalizada. Não interessa a ninguém.

02:53:39 “Deal” Emirados Árabes vs. Israel

02:54:16 Investimentos da China – novas rotas da seda

02:57:53 O possível cálculo estratégico dos Atlanticistas no fim do regime comunitarista do Líbano: passar a um presidencialismo puro? Na suposição de que numa eleição majoritária, de caráter referendatório, com virtualmente apenas dois candidatos, “A” e “anti-A”, quando há disputa, mais que entre apoios, entre as respectivas rejeições, candidato da OTAN, com cheque do FMI, bateria candidato do Hezbollah? 

03:01:38 Hezbollah

03:04:00 Deal Iran/China

03:06:06 A Venezuela pelos olhos da China

03:09:13 Força econômica e força política

03:12:15 A História mostraria que a China não será imperialista

03:14:39 Pepe ilustra: A China e o “Caos”

03:19:38 Política externa defensiva – o “Mestre Yoda” do Politburo

03:21:27 Rotas da Seda – Integração econômica e conectividade.

03:22:00 OTAN x Integração econômica, tecnológica, autossustentável

03:23:58 Do campo militar para o campo econômico

02:26:46 O agronegócio brasileiro vs. capitais chineses: a malandragem dos laranjas

03:30:52 China e os interesses nacionais do Brasil

03:32:23 Porque ousou enfrentar o virtual controle de commodities, Blairo MAGGI acabou pego nos “PARADISE PAPERS”

03:33:16 Alexandr Dugin, sua “Quarta Teoria Política” e a demonizado pela esquerda liberal no Brasil

03:36:46 Bernard-Henri Lévy vs. Aleksandr Dugin

03:39:40 Crítica do EJ a Dugin

03:41:30 Qual é o Sistema Chinês?

03:49:48 Shadow Banking – juros acima do mercado quebrando empresas privadas na China: tema tabu

03:53:43 Mais temas tabu na China: pontos de crítica à condução de Xi

03:56:16 Aliança Rússia/ China é determinante para a tendência de superação dos EUA pela China?

04:01:50 Parceria estratégica abrangente – indestrutível

04:04:00 Bypass do Dollar – passar ao lado do dólar

04:09:00 Evolução Geopolítica Global: reflexo na América Latina – forma-se Eixo China-Argentina vs. Eixo EUA-Brasil

04:13:33 O Brasil “escolheu” o lado errado? – a “dossiê-cracia” transnacional. E o papel, chave, de Dario Messer

04:13:53 José Dirceu passa “calor” até na Argentina: incômodas perguntas sobre “Lista VIP” do #BanestadoLeaks e Dario Messer

04:16:02 Kompromat – chantagem sexual: a teia de Jeffrey Epstein e Ghislaine Maxwell, pelo Mossad, pegando dirigentes e bilionários de EUA e Europa

04:18:47 Enfim: vai ou não vai ser o Século da China?

04:24:10 Sim, é o século da Eurásia, mas eu não vou ver” – Pepe Escobar

04:26:56 “Será um Século muito longo; queda dos EUA ainda levará tempo” – Elias Jabous

4:32:00 Delação de #DarioMesser: a verdade – que você não verá em nenhum outro lugar

5:05:20 #OdebrechtPapers, constrangimento de Lula e o dossiê Leonardo Attuch, o operador de Daniel Dantas

*

Vídeo — integral:

 


 

 

*

*

*

Referências comentadas no ar

Dario Messer

ATENÇÃO: CHANTAGEM VIA #DARIOMESSER “RENOVADA”, POR MAIS UMA DÉCADA: A LISTA… “EVERGREEN” (!)
No UOL:
“Uma lista de…

Posted by Romulus Maya on Thursday, August 13, 2020

 

ATENÇÃO: CHANTAGEM VIA #DARIOMESSER “RENOVADA”, POR MAIS UMA DÉCADA: A LISTA… “EVERGREEN” (!)
No UOL:
“Uma lista de mais de 400 clientes está nas mãos do Ministério Público Federal”
A análise que – infelizmente – você não verá em nenhum outro lugar. Afinal, disso carece o próprio sistema!
Delltan Dallagnol falou, na infame sessão de exibição do PowerPoint, em uma “propinocracia” vigindo no Brasil. Tradução nível Google tradutor de “tangentocrazia”, que os italianos da “Mãos Limpas” cunharam para descrever o que investigavam, no início dos anos 1990, em seu país. Bem, ao menos eles foram originais. Inclusive na sua condução pelos gringos, confessada pelo então embaixador americano em 2012. Apenas no seu leito de morte, em Boston, devorado por um agressivo câncer.
A tal “Propinocracia” (sic) é só uma fatia num hipotético gráfico de pizza da grana fria. A menorzinha, inclusive. O pedágio pago a quem no Estado tem agência. A gorjeta dos garçons. Aqueles que “operando”, “monetizando”, a sua agência no Estado deixam os tubarões das altas finanças passarem. “Por dentro” e “por fora”: as receitas legais, devidamente contabilizadas, mais o Caixa 2 e o esquentamento do dinheiro oriundo de atividade criminosa (sobretudo o tráfico).
Pensando tridimensionalmente, embaixo da camada de “queijo” da fatia da pizza referente à “propinocracia”, tem a massa. Expessa. Aquela que, providencialmente, não aparece: a “liability” que fica. A “exposição”; o “passivo”… penal.
Atenção: potencial!

E aí a gente chega ao que interessa.
O nome, Dallagnol, é, na verdade, “Dossiê-cracia”.
Transnacional!
Da qual você foi operador. Raso.
Como a seu turno, os italianos que o precederam.
É irônico até o Banco de #DarioMesser se chamar “Evergreen”. Isso porque a chantagem – transnacional (SEC, DoJ, FBI, CIA, NSA…) – acaba de ser prorrogada. Por mais uma década. Toda classe dirigente brasileira pega, mais uma vez, pelo saco. Pelos gringos. E pelos seus operadores locais, “sinérgicos”: Militares e Juristocracia (eles próprios pendurados também).
A Lista da vez, que até aqui tinha apenas uso clandestino, para inteligência e chantagem – afinal Messer é sabido ativo da CIA e do Mossad (exatamente como um certo Jeffrey Epstein, e os seus vídeos de Kompromat com meninas menores) -, acaba de ser “esquentada”, para uso POTENCIAL (essa é a palavra chave!) na perna Juristocrática da pinça.

Atenção: no Brasil e nos… EUA!

Lembremos de J Hawilla, pelo esquema Globo, e do francês Frederic Pierruci, pelo esquema da Alstom. Há quem fale em Carlos Ghosn também, da Renault-Nissan, e as “dicas” passadas aos japoneses para subjugar o maior conglomerado de montadoras, em vendas, do mundo.
Ou até El Chapo, Pablo Escobar – com as respectivas Listas!

É esse o jogo.

Ou libertamos esses reféns dos seus cativeiros – de ouro! Não tenham pena deles… – ou as riquezas do Brasil – e o sangue dos brasileiros – seguirão pagando o resgate, no seu lugar.

A chave é: Lista VIP do #BanestadoLeaks; #OdebrechtPapers

Ou seja, mostrar justamente a massa da pizza. A “operação” de dossiês – como os que acabam de chegar. Sempre renovados.
EVERGREEN, afinal!
Sempre verdinhos…
E verdinhas! ?
Pretensão punitiva, a liability, sempre renovada.
Dentro e fora do Brasil: na colônia e – fundamental! – na Metrópole.

Quem se esforça para esconder tal evidência está no jogo.
Ou vacila diante dele.
Caso de Lula na patética “entrevista” dada, nesta semana, a “operador” de Daniel Dantas – outro financista bandido, que a seu turno também foi o “dossiê vivo” da vez, tal qual Messer e sua Lista… “Evergreen”.
A história é velha como o capitalismo dependente rentístico da Nova República: a elite brasileira – econômica e política – ficou pendurada, sequencialmente, no Esquema PC Farias, na Lista VIP do Banestado, na Lista de cotistas do Fundo Opportunity (Dantas!) nas Ilhas Cayman e na Lista da Odebrecht.
Agora “renovamos”, com a Lista “Evergreen” (!), o rabo preso – de novo: transnacional – até 2017.

Mas e as receitas ilegais – seja de Caixa 2, seja do crime?
Pararam, como por mágica, de serem geradas em 2018?
E de serem lavadas?

Que nada!
Claro que não!

Assim, cabe perguntar, meio que dando de ombros:
– Qual será a próxima lista?

Bem, nesse jogo “the house always wins”. A Banca sempre ganha. Então apostemos com ela. Tende a acertar quem apostar, de novo, no MESMO DARIO MESSER. Aquele que passou – com toda a discrição – pelo Esquema PC Farias, pelo Banestado, pelo Máfia do Futebol, pelo Propinoduto, pelo Mensalão, pelo Petrolão…
(e mais Carteis Colombianos, PCC, Silas Malafaia…)
Ora, Messer continua com a sua “conta ônibus” nos… EUA.
Em banco dos… EUA (MTB Bank).
Com gerente dos… EUA (Carolina Nolasco).
Cometendo – junto com seus clientes – crimes financeiros (também!) nos… EUA – por onde o dinheiro movimentado passa.
Como ativo da CIA e do Mossad, Messer nada tem a temer lá. E entrega a sua parte: as elites da América do Sul, pegas pelo saco. Tão “honeytrap”, cilada, quanto as meninas – todas menores – do esquema Jeffrey Epstein/ Ghislaine Maxwell.

Portanto, conservadoramente aposto que a “nova lista”, a de 2030?, também passará por Messer. E pelos EUA. Afinal, em time que está ganhando não se mexe!

Nesse contexto, quem vier me falar de “eleição municipal”… “Boulos ou Tatto?”… 2022…
– … vai ouvir é um palavrão.
Um bem dado.

O Brasil está sequestrado, indo para o buraco. Pegaram todo mundo que tem poder de agência, pelo saco. Quem finge que vivemos “normalidade democrática” trabalha para o outro lado. Sabendo ou não disso.

E aí, Lula?
Como as Minas Gerais, a Suíça “continua onde sempre esteve”. Embora o Sr. tenha esquecido dela nesta semana, sabe…
Na Lista da Odebrecht – na Suíça -, Dario Messer é o “Flexão”.
Na versão brasileira, batizada pela Lava Jato – a única aludida pelo Sr. na “entrevista” a Attuch/ Dantas, mais uma vez ele sumiu.
Como no Banestado, no Propinoduto, na Máfia do Futebol…

Claro: a Lava Jato operava para os EUA. Tal qual…
… DARIO MESSER!

O ex-Deputado Dr Hélio (PDT-SP), membro da CPI do Banestado em 2003 e 2004, relatou a mim que Messer era então referido pelos parlamentares e suas assessorias como “o fantasma”, aquele que nunca podia aparecer. Chegando nele, tocava desviar. Dead end.

No portal UOL:
“Uma lista de mais de 400 clientes está nas mãos do Ministério Público Federal”

Como disse Cláudio Abreu, cada vez mais importante aquela “sinergia”…

Principalmente a transnacional, Cláudio!

E aí?

Qual vai ser Lula?
(Ciro, Haddad, Dino, Boulos…)

 

*

Attuch: “operador” de Daniel Dantas pendurado em dossiê 

DOSSIÊ LEONARDO ATTUCH – VOL. 1: SUPOSTO LARANJA DE DANIEL DANTAS, REFÉM DA JURISTOCRACIA “VIRA A CASACA” 180 GRAUS….

Posted by Romulus Maya on Tuesday, August 11, 2020

 

DOSSIÊ LEONARDO ATTUCH – VOL. 1: SUPOSTO LARANJA DE DANIEL DANTAS, REFÉM DA JURISTOCRACIA “VIRA A CASACA” 180 GRAUS. SERÁ MESMO? ?
Pergunta:
Esse tal “Leonardo Attuch” seria a mesma pessoa que estava com o ex-Presidente Lula… NESTA TERÇA-FEIRA?!

Prints (e links):
(1) Matéria de O Globo sobre lançamento de livro de Attuch (2006) atacando o PT trazendo relato, em primeira mão (antes mesmo da PF e da CPI!), de ex-secretária do “operador” Marcos Valério durante a crise do “Mensalão”; Detalhe: apresentação do livro feita por um então Deputado do PSDB, verdugo virulento do PT (Gustavo Fruet);
(2) Relatório do Delegado da PF Protógenes Queiroz, indicando que a ex-secretária de Marcos Valério teria feito tais “denúncias” – e procurado Attuch – a mando de… Daniel Dantas (!) – então em guerra com fundos de pensão de estatais, cuja direção era nomeada pelo Governo Lula/ sindicatos amigos. Ou seja, aparente operação de chantagem. Bem ao estilo de Dantas?
Integralidade do Relatório disponível em: https://www.conjur.com.br/dl/relatorio-protogenes.pdf
Ainda nesse Relatório, anotação interessante de que Roberto Mangabeira Unger, então Ministro do Governo Lula – hoje ligado a Ciro Gomes -, teria levado US$ 2 milhões (!) do mesmo Daniel Dantas. Também por suposta “consultoria”. Interessante também é a observação sobre o local em que Unger – sobre quem paira suspeita de ser um RECRUTADOR da inteligência americana – “dava expediente” (com duplo sentido?): o Comando do Exército;
(3) Depois de ter “virado a casaca” (realmente?), pedido de busca e apreensão e de PRISÃO TEMPORÁRIA de Leonardo Attuch pelo MPF, já no âmbito da Lava Jato, por supostamente ter esquentado dinheiro frio de Caixa 2 com “contratos de consultoria” fantasma.
(é uma praga isso?)
Recibos das respectivas transferências anexados!
Transferência sequer contestadas pelo beneficiário, Attuch!
Integralidade do pedido disponível em: https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/wp-content/uploads/sites/41/2015/08/8_PET1.pdf
Ou seja, Attuch está pendurado em dossiês. Se a persecução penal não foi adiante até aqui contra ele – diferentemente dos demais alvos daquele pedido (incluindo José Dirceu e seu irmão, ambos presos a certa altura) -, é porque assim convinha à Lava Jato. E, de forma mais abrangente, ao Golpe contra o Brasil.

Por que será, minha gente?

Repito a pergunta:
“‪Esse tal ‘Leonardo Attuch’ seria a mesma pessoa que estava com o ex-Presidente Lula… NESTA TERÇA-FEIRA?”

?

Ah, a era digital…

A Web 3.0 não perdoa!

*

‪PS: mais sobre as alegadas chantagens de Daniel Dantas, o patrono de Attuch, em matéria de 2006 de Sergio Lirio, na Carta Capital, que termina com a seguinte pergunta: “Quem, no PT, tem medo de Daniel Dantas? E por quê?” – link: http://www.citadini.com.br/financas/cartacapital060531a.htm
Estrelando: Marcio Thomaz Bastos, Tarso Genro e José Eduardo Cardozo.
Sim, isso mesmo: a trinca da ENCCLA. A quintessência do “PT Jurídico”.

‬ ‪PPS: 2008 – ver plantação de Daniel Dantas, pela caneta de seu laranja Attuch, ameaçando Lulinha, no Caso Oi/ Game Corp.‬
‪”Pressão” surtiu efeito?‬
‪PHA sempre disse q fusão BR Telecom/ Oi teria sido “a página mais escura” do governo Lula.‬
‪E arrematava: “Dantas levou cala-boca de US$ 1 bi”.‬
‪O “banqueiro bandido” conseguiu o que queria “operando alavancas”. Para o que usou Attuch.‬
‪Ver: https://twitter.com/zuzu_palomoni/status/1292653764084748293?s=21‬

‪Sem esquecer do Relatório da Operação Chacal (2004), da PF, que detalhou como Attuch “operava” para Daniel Dantas, alegadamente plantando “narrativas” encomendadas, que auxiliavam o cometimento de crimes financeiros, em colusão com o próprio Dantas e a agência privada de espionagem internacional Kroll. O vazamento (ver prints) é cortesia do saudoso PHA – sempre ele.‬
https://web.archive.org/web/20131128145539/http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/11/23/jogaram-a-presidenta-nos-bracos-do-dantas/

‪Chegamos a 2020. E, por acaso, Dantas já parou de usar Attuch? ?

‪Resgate: o dia em que Daniel Dantas tentou calar PHA, despejando-o do Portal IG. Tudo porque PHA tomou conhecimento e denunciou as “jogadas” de Dantas na Brasil Telecom:‬ http://www.contee.org.br/noticias/artigos/art99.asp
Anoto, com pesar: hoje, tragicamente, depois da morte de PHA, o “Conversa Afiada” (??) passa a retransmitir programação de… Daniel Dantas: o Brasil 171!‬
Ver print: https://twitter.com/romulusmaya/status/1293488139185553409?s=21

PPPS: Resenha do livro de Attuch (2006): https://twitter.com/romulusmaya/status/1293474225500676096?s=21
O primeiro livro “denunciando o Mensalão”!
Nela Attuch, entrevistado antes, é descrito como quem “descobriu” a secretária de Marcos Valério, “trazendo ‘documentos’ que ‘substanciavam’ ‘denúncia’ de Roberto Jefferson” (!)
Como apontando acima, pelo Delegado Protógenes Queiroz soube-se depois que tudo teria partido do próprio Daniel Dantas, que encaminhou a “acusadora com os documentos” (sic) a Attuch.
Lembremos: PHA sempre disse que Dantas seria uma das principais fontes de recursos do “Valerioduto” – tendo sido blindado por todos os partidos na CPI dos Correios (ver, sobre isso, o texto de Sergio Lirio, referido acima).
Sendo fonte da grana, Dantas conheceria o esquema. Inclusive Valério e a secretária. E os tais “documentos” (sic). Em apenas um salto, tudo cai prontinho no colo do “operador” Attuch, que publica o “livro-bomba”.
Em pleno ano de reeleição de… Lula!
O mesmo Lula que estava na manhã desta terça com… Attuch!
Mas… faltam ainda os acessórios citados: quem eram os dois TRAÍRAS dentro do PT, indicados por Attuch como “fontes internas que respaldavam a secretária”, na divulgação do “livro-bomba”?
?
Essa era uma – boa – pergunta… que Lula podia ter feito – AGORA – a Attuch, não?
?

‬PPPPS: Obrigado aos diversos pares de olhos que fizeram esta – primeira – pesquisa.
D.E.tonaram!?

*

EXTRAS:
“Attuch”, por Paulo Henrique Amorim: https://web.archive.org/web/20131128145539/http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/11/23/jogaram-a-presidenta-nos-bracos-do-dantas/

“Attuch”, por Marco Aurélio Carone: https://twitter.com/romulusmaya/status/1286477049180430338?s=21

“Attuch”, por Reinaldo Azevedo: https://web.archive.org/web/20200812171636/https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/experimentando-o-proprio-remedio-jornalista-diz-que-daniel-dantas-criou-site-para-atacar-adversarios/?fbclid=IwAR0eGUmOtoHDLyDSLEOICKn-eXh6vfDtbhGPXAftk9jF3d9tDxqHQZm5TCg

“Attuch”, por Mino Pedrosa: https://web.archive.org/web/20131109151209/http://www.quidnovi.com.br/novo/mino/detalhe.asp?c=403

“Attuch/ Dantas/ Nahas”, pelos próprios (!): https://youtu.be/imPfR-lG0lE

*

“CARA PERIGOSO”
Em email enviado a Reinaldo Azevedo em 2009, publicado por esse último em 2012, Leonardo Attuch diz que Lula, “cara perigoso”, realizava “chavização do Brasil”. Já teria “destruído o PT, depois o Congresso, destruía então o Judiciário e o próximo alvo seria a imprensa”. Quem dava certeza a ele de uma “iminente operação da PF” contra a mesma era uma certa “fonte de dentro, um ‘Cardeal’ do PT”. Quem será?
?
https://web.archive.org/web/20200812171320/https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/um-pouco-de-elegancia-a-um-ex-admirador-agora-colega-de-jose-dirceu-que-me-chama-de-cao/?fbclid=IwAR3iuv3L3ajakwlDbtD74if40uYz-_7Ps5J07sygsMXt-vTFVVbZRXNBovc

E pra a-ca-bar:
– Attuch acusa o PT (em 2008) de ter rachado com as FARC dinheiro de resgate de reféns brasileiros sequestrados na Colômbia (!): https://web.archive.org/web/20200812171130/https://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil/antes-de-virar-8220-porta-voz-da-quadrilha-8221-leonardo-attuch-denunciava-vinculo-do-pt-com-narcotrafico/

*

Repito a pergunta:
“Esse tal ‘Leonardo Attuch’ seria a mesma pessoa que estava com o ex-Presidente Lula… NESTA TERÇA-FEIRA?!”

 

*

BOMBA: PT QUER LEONARDO ATTUCH, DO “BRASIL 247”, NA CADEIA!

Calma…
Tem um tempinho isso.
No print: em 2006, o PT…

Posted by Romulus Maya on Sunday, August 16, 2020

 

BOMBA: PT QUER LEONARDO ATTUCH, DO “BRASIL 247”, NA CADEIA!

Calma…
Tem um tempinho isso.
No print: em 2006, o PT pedia formalmente, nos trabalhos de conclusão de uma CPI – não outra que a CPI no “Mensalão” – o indiciamento de LEONARDO ATTUCH, “jornalista” (as aspas são de, entre outros, Paulo Henrique Amorim e Delegado Protógenes Queiroz) por:
– CORRUPÇÃO ATIVA!
– TRÁFICO DE INFLUÊNCIA!

Já para o homem para quem Attuch “opera”, o banqueiro bandido Daniel Dantas, o PT exigia cadeia por:
– Corrupçaão ativa;
– Tráfico de influência;
– Lavagem de dinheiro;
– Sonegação fiscal;
– Destruiçaão de provas.

*

Passa o tempo.
Na terça-feira passada, o ex-Presiente Lula, cujo primeiro governo Attuch e Dantas trabalharam – junto com a Globo e a direita – para derrubar, aparece em live com…
– … Leonardo Attuch (!)

(e Dantas? Estava ao fundo?)

Esquecido do passado, o ex-Presidente “elogiou” (??) o anfitrião, dizendo que o “Brasil 171” seria “a Globo da esquerda” (!)

Eu não poderia definir melhor, Presidente…

*

Em 2006 o PT queria Attuch preso.
Hoje, esse hospeda – ainda em nome de Daniel Dantas? – live com Lula.

Mudou quem?

Attuch?

Ou o PT?

*

Meu amigo, minha amiga: nesse jogo quem não muda, de jeito nenhum, é o Duplo Expresso. Aqui, nunca haverá pacto com o diabo – fardado, togado ou com sotaque gringo. Nem (inexplicada) “guinada” política, fantástica, de “180 graus”…
– … que, na verdade, é de 360. 😉

*

Fonte: Tribuna da Imprensa – RJ, 5/abr/2006, “Relatório do PT poupa petistas”, consultado hoje, na Hemeroteca da Biblioteca Nacional. Link, para você ver por si mesmo: http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=154083_06&Pesq=%22leonardo%20attuch%22&pagfis=37137

P.S.: nos demais prints, veja subsídio de inteligência, da PF – Relatório do Delegado Protógenes -, para que (então…) o PT pedisse, com razão, a prisão de Leonardo Attuch.

Obrigado, era digital!

Deus perdoa…
– … a internet ja-mais!

*

Caso Jeffrey Epstein-Ghislaine Maxwell/ Mossad/ “Kompromat” de autoridades e bilionários dos EUA e da Europa

Former Spy Details Israel’s Main Motive Behind Epstein’s Sexual Blackmail Operation

Ghislaine Maxwell and Jeffrey Epstein were spies who used underage sex to blackmail politicians, ‘ex-handler’ claims

*

Lula e a Lista da Odebrecht — i.e., a da Suíça! Para fora, apenas? Por quê?

 

 

*

“Lista VIP” do #BanestadoLeaks: MUITO real, segundo testemunho do ex-Dep. Dr. Helio

 

 

*

José Dirceu sente o “calor” em Buenos Aires (min. 34:00) — e tem de se “sair” (?) com enrolação

https://mundo.sputniknews.com/popup/radio/?audio_id=24093496

*

*

*

Os que nos atacam:

Aqui, aqui, aqui e aqui, a ficha dos que nos atacam, na figura de Leonardo Attuch “Dantas Nahas”, levantada por, entre outros, Paulo Henrique Amorim — e estranhamente deletada de seu site após a sua morte.

DOSSIÊ LEONARDO ATTUCH – VOL. 1: SUPOSTO LARANJA DE DANIEL DANTAS, REFÉM DA JURISTOCRACIA “VIRA A CASACA” 180 GRAUS….

Posted by Romulus Maya on Tuesday, August 11, 2020

 

*

O que temem:

FINALMENTE: baixe as CC5 do Banestado, depois de quase 30 anos!

#BanestadoLeaks: o escândalo de lavagem de dinheiro no Brasil dos infernos

? #BANESTADOleaks: “a lista”, finalmente! ?

 

*

Governo Dilma operando para os EUA (ver os respectivos fios no twitter):

 

 

 

*

NÃO TEM IDEIA DO QUE FOI O ESCÂNDALO DO BANESTADO?
Eis resumão fornecido por Romulus Maya no distante mês de janeiro do Ano do Senhor de 2018, em seu antigo blog:

As contas “CC5” foram criadas em 1969 pelo Banco Central para permitir a estrangeiros não residentes a movimentação de dinheiro no Brasil. Essas contas também eram o caminho para multinacionais remeterem lucros e dividendos ou internar recursos para o financiamento de suas atividades. Por dispensarem autorização prévia do BACEN, as CC5 viraram o canal ideal para a evasão de divisas e lavagem de dinheiro. A movimentação ilegal usando as CC5 somou 179 BILHÕES. De dólares! Ajustando pela inflação em dólar do período (1998-2020), o equivalente a 281 BILHÕES DE DÓLARES em valores atuais. De longe, o maior escândalo de evasão de divisas e lavagem de dinheiro de todos os tempos.

Uma vez estourado o escândalo Banestado, a operação abafa para encerrar de vez os trabalhos de investigação começou em 2001. Durante esse período, milhares de inquéritos foram abertos em todo o País. Contudo, nenhum político importante ou dirigente de grande empresa foi condenado de forma definitiva. A maioria das empresas envolvidas conseguiu negociar com a Receita Federal o pagamento de impostos devidos e, assim, encerrar os processos tributários e penais abertos contra si.

Em relação às empresas de mídia que usaram as contas CC5 para praticar evasão de divisas e lavagem de dinheiro, não se tratou apenas da Globo e dos Marinho. A quebra dos sigilos bancários revelou que o Grupo Abril fez uso frequente das contas CC5, tendo movimentado um total de 60 milhões de Reais. Já o Grupo SBT, do empresário Silvio Santos, movimentou 37,8 milhões de Reais segundo a investigação.

Se na esfera judicial o caso Banestado teve o seu fim escrito pelas mãos do juiz Sergio Moro, no Parlamento a apuração conduzida pela CPI do Banestado teve o mesmo destino. De maneira totalmente inabitual, essa Comissão Parlamentar encerrou os seus trabalhos sem sequer votar a minuta de relatório final!

Explica-se: o esquema das CC5 pegava de A a Z do sistema político, embora em proporções bastante diferentes. O maior implicado, evidentemente, era o PSDB. Afinal, desde 1994 o partido tomara conta da máquina federal bem como de várias máquinas estaduais relevantes, como São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Isso sem contar grandes municípios. No que tange ao PT, que acabara de chegar ao poder na esfera federal, o partido administrara até ali algumas prefeituras relevantes, como a de São Paulo, bem como os Estados do Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Acre. Portanto, embora com graus bastante diferentes de exposição ao escândalo das CC5, ambos, PSDB e PT, acabaram atuando no sentido de enterrar, o mais breve possível, os trabalhos da investigação.

O que se viu nessa CPI foi a tentativa de se proteger os cardeais de ambos os partidos, bem como de blindar aliados citados na investigação. Por fim, registre-se que o encerramento da apuração se deu em dezembro de 2004. Já no ano seguinte, em 2005, surge o “escândalo” seguinte, o caso do “Mensalão”. Na prática, em termos editoriais, tratou-se de uma tentativa bem-sucedida da Globo de fazer “subir a pauta”, sepultando de vez o interesse em se investigar as contas CC5. Afinal, como dito acima, esse sistema fora utilizado pelos próprios irmãos Marinho para retirar dinheiro “frio” do grupo, como caixa dois, do Brasil.

(artigo completo, atualizado, aqui)

*

*

*

Canal do DE no Telegram: https://t.me/duploexpresso
Grupo de discussão no Telegram: https://t.me/grupoduploexpresso
Canal Duplo Expresso no YouTube: https://www.youtube.com/DuploExpresso

Áudios do programa no Soundcloud: https://soundcloud.com/duploexpresso
Link para doação pelo Patreon: https://www.patreon.com/duploexpresso
Link para doação pela Vakinha: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/643347
Duplo Expresso no Twitter: https://twitter.com/duploexpresso
Romulus Maya no Twitter: https://twitter.com/romulusmaya
Duplo Expresso no Facebook: https://www.facebook.com/duploexpresso/
Romulus Maya no Facebook: https://www.facebook.com/romulus.maya
Grupo da Página do DE no Facebook: https://www.facebook.com/groups/1660530967346561/
Romulus Maya no Instagram: https://www.instagram.com/romulusmaya/
Duplo Expresso no VK: https://vk.com/id450682799
Duplo Expresso no Twitch: https://www.twitch.tv/duploexpresso
Duplo Expresso no Spotify:
https://open.spotify.com/show/5b0tFixIMV0k4hYoY1jdXi?si=xcruagWnRcKEwuf04e1i0g

 

 

 

Facebook Comments

Romulus Maya

Advogado internacionalista. 10 anos exilado do Brasil. Conta na SUÍÇA, sim, mas não numerada e sem numerário! Co-apresentador do @duploexpresso e blogueiro.