Dança das Cadeiras

Arte e Texto por Sama, para o Duplo Expresso

Queridos e malquistos…

Esquerdopatas, direitardados e isentões (o mais nocivo entre todos).

Falar sobre o desprezo que tenho sobre as instituições que se curvam ao interesse das reacionárias elites entreguistas que traem o país é chover no molhado. Entretanto, impressiona-me o mesmo truque barato usado a exaustão, continuar a ser tão eficiente. A “mise en scène” midiática e refletida em seus segmentos da esfera pública como TV, rádio, redes sociais, mesas de bar etc… Continua a capturar corações e mentes através de nossos afetos.

A contínua estratégia de enfraquecimento das instituições: STF, PGR e a Classe Política como um todo, serve à um propósito vil e genialmente diabólico. O fim da representação política e o modo republicano. A bola da vez é a Vendetta da Lava-jato, que por não ter conseguido seu fundo bilionário ilegal para montar o maior aparato repressivo do ocidente, encontrou um calcanhar de Aquiles no pé de Dias Toffoli.

Menos hipócrita seria fechar logo o Congresso, o Senado e o Supremo Tribunal com um jipe, um cabo e um soldado, tal qual o príncipe miliciano desejava. Mas o dissenso interno do consórcio do Golpe difilculta demais as coisas… (Ah, esta maldita Democracia, mesmo débil anda sempre a atrapalhar!) Sobram tiros nos pés deles e tiros nas cabeças de negros, pobres, índios e dos incautos de ocasião.

Há uma ironia marxsista mórbida em tudo isso: Sobrarão balas para o povo! Na lógica dos círculos do Poder, o inimigo do meu inimigo é meu amigo, (pelo menos temporariamente). Apesar de navegarmos por águas muito turvas e lamacentas,é imperativo que não nos afundemos por completo! A tenda do teatro do absurdo está armada já há um bom tempo, melhor tentar derrubá-la agora, do que depois que cercarem tudo com um muro alto de concreto com torres de vigilância.

Entre uma cena e outra nos bastidores vai embora um Pré-Sal, uma Alcântara, Aquíferos etc… Vão vendo… A próxima pauta será a regulação da Liberdade de Expressão, feita “justamente” por quem as cercea e combater as Fake News, por aqueles que as produzem?

O Brasil, de fato, não é para amadores…

Há algo de muito distorcido na forma e no conteúdo das informações que chegam ao público local e no exterior também. Amigos e inimigos, não se deixem levar pelos antagônicos afetos, nesta dança de cadeiras, a sua vez também vai chegar…

Saudações Samânicas!

Acha importante o nosso trabalho? Fácil - clique no botão abaixo para apoiá-lo:

Facebook Comments