Para que servem as Forças Armadas no Brasil do Golpe??

PARA QUE SERVEM FORÇAS ARMADAS?



“Temer recebe solidariedade dos MILITARES”



Se Forças Armadas ~não~ servem a um projeto soberanista, servem para quê?



Se não tem “inimigo externo” – porque é, na verdade, o “melhor amigo” – sobra apenas o…



– “inimigo interno”, não?



A esquerda – e também a direita nacionalista! – devem fazer uma séria reflexão sobre o papel das FFAA e, principalmente, a doutrina que vigora na cúpula hoje.



O apoio – agora não mais tão velado assim… – ao Golpe de 2016 deixou claro que as FFAA ~não~ são mais sequer nacionalistas!



O processo incluiu (entre outros):


– prisão do Alm. Othon;



– desmonte do projeto de submarino nuclear;



– venda de satélite – c/ comunicação de defesa! – a estrangeiros;



– projeto de venda de terras a estrangeiros;



– entrega do pré-sal;



– oferecimento da Base de Alcântara aos EUA;



– 100% de controle estrangeiro de linhas aéreas  (o que nenhum país relevante faz, por aviões civis poderem ser convertidos em apoio logístico em caso de guerra);



– exercício militar com os EUA (!) na Amazônia.



*



A Costa Rica aboliu suas FFAA nos anos 50. O Presidente disse então que, em seu lugar, teria um “exército de… professores”.



O país tem tensões fronteiriças com vizinhos, como a Nicarágua, p.e.



Indaguei, então, a diplomatas costa-riquenhos amigos se, nesse contexto, não ter FFAA não seria um problema.



Um deles riu e me disse:



– Se tivesse algum problema, “los gringos” viriam nos defender, ora!



*



Pois então…



Se “los gringos” não são ameaça, mas sim amigos – cada vez mais para patrões… – para que servem as FFAA ainda?



E, mais importante, a sua gorda fatia no orçamento público?



Para resistir (hahaha) a um ataque da Rússia e da China??



Ora, mesmo nesse caso não haveria tanto problema…



Afinal, “los gringos” viriam também defender ~seus~ interesses, não??
Piero: Se dissolver FFAA vai restar PMs: vão por mim, é pior.

*


Atualização 24/5:


Para quem não captou a ironia:

(desculpe, mas é assim mesmo que eu escrevo…)


– Evidentemente eu ~não~ defendo como projeto para o Brasil virar uma “Costa Rica continental”.

Pelo contrário!

Quem me lê há mais tempo sabe o quanto eu prezo os interesses nacionais e a soberania brasileira – o que seria totalmente incompatível com a ausência de FFAA dissuasivas.

Esse o ponto fulcral:

– ~Eu~ quero o Pro-Sub…


– … o Golpe ~não~ !



*   *   *
– Siga no Facebook:

– E no Twitter:


*


Achou meu estilo “esquisito”? “Caótico”?

– Pois você não está só! Clique na imagem e chore as suas mágoas:

(http://www.romulusbr.com/2016/12/que-poa-e-essa-vol-2-metalinguagem.html)

(http://jornalggn.com.br/blog/romulus/que-p-e-essa-ora-essa-p-e-romulus-por-o-proprio)

*

Quando perguntei, uma deputada suíça se definiu em um jantar como “uma esquerdista que sabe fazer conta”. Poucas palavras que dizem bastante coisa. Adotei para mim também.

Acha importante o nosso trabalho? Fácil - clique no botão abaixo para apoiá-lo:

Facebook Comments

Romulus Maya

Advogado internacionalista. 10 anos exilado do Brasil. Conta na SUÍÇA, sim, mas não numerada e sem numerário! Co-apresentador do @duploexpresso e blogueiro.