Parte (3) de “Atenção: não seja enganado! Moro e Dallagnol – e a Globo! – foram derrotados no STF”

../../Desktop/colagem%20STF%20Moro%20copy.jpg

Parte (3) de “Atenção: não seja enganado! Moro e Dallagnol – e a Globo! – foram derrotados no STF”



(Parte (1) – clique aqui; Parte (2) – clique aqui)

– Balanço final do “julgamento” (aspas!)

???

– Confusão geral: espontânea ~e~ também intencional

???

*

Pontos chave em que se decidiu ~não~ decidir:

– O ~delator~ tem “direito subjetivo” – oponível ao Estado – aos benefícios do acordo de delação independentemente de ele ser rescindido?

– O ~delatado~ tem legitimidade ativa – i.e.: pode ~ele~ propor ação – para impugnar o acordo delação ~ilegal~ em que foi delatado?

– Ou é apenas o MP – que fez o tal do acordo! – que pode “se arrepender” e pedir sua impugnação?

(hipótese remotíssima… um tipo de um “foi mal, gente!” do MPF?!)

– Além do MP, como será o exame do juiz – de ofício (sem provocação do MP, conforme item anterior) – diante de ilegalidades flagrantes no acordo de delação?

Como observei na Parte 1 do artigo, “passa boi, passa boiada” na “redação” (sic) intencionalmente vaga sugerida por Moraes/ Toffoli (!)

“Redação” (sic) que venceu por 10×1 ou 9×2, a depender de como se interprete o voto, no final!, de MAM (nem Carmen Lúcia sabe ao certo…).

Como conclui, isso tudo só será sabido no dia em que se impugnar a primeira delação.

Aliás…

Nem nesse dia!

Como observei, os Ministros criaram na verdade foi um:

(1) à la carte;

(2) “dependendo do freguês”; e

(3) das circunstâncias no momento da análise (nuvens ~políticas~ no céu, sabe…).

Assim, ~não~ haverá regra geral!

Portanto…

“Pau que dá em Chico”…

Pode dar ~só~ no Chico mesmo…

E o Francisco ficar numa boa!

– Vocês estão entendendo??


???




#Acordão

*

– Mais confusão geral: 100% intencional

– Pedagogia de rede social: Po-lí-ti-ca ≠ Mo-ral ! – Vol. 2

?MORRE SIMONE VEIL – referência de o que é fazer – A GRANDE – POLÍTICA!
– Uma grande mulher.
– Uma grande política.
– Uma grande… pragmática!
Não hesitou em compor com a oposição, de esquerda, para aprovar, em 1973, a lei de descriminalização do aborto na França, rejeitada por 2/3 (!) da base de sustentação do ~seu~ governo, de direita.
Da mesma forma, judia, mesmo tendo perdido o pai e o irmão no Holocausto!, sendo ~ela~ mesma uma sobrevivente de Auschwitz, ~não~ hesitou em compor com os ~alemães~ para se tornar a PRIMEIRA PRESIDENTA do Parlamento Europeu, em 1979.
E sabe o que ela diria sobre essa aparente contradição, décadas depois??
Justamente que “construir a Europa” a tinha reconciliado com aqueles mesmos horrores do Séc. XX.
ATENÇÃO:
– Vítima da tragédia, ela viu a realização em se tornar a arquiteta da… solução. Não em se tonar, em vez disso, a sua… vingadora!
Unanimidade e personalidade política mais admirada da França, na sua senioridade o país, agradecido, leva-a à Academia Francesa, em 2010.
LEGADO (para mim):
Mais do que nunca, num momento de ódio e radicalismo no Brasil – de parte a parte! – com pessoas querendo fazer política com o fígado… olhando PARA TRÁS e não PARA A FRENTE… Simone Veil é uma referência de o que é fazer – A GRANDE – POLÍTICA!
“Pacto” se faz com… (ex!) inimigo!

Vai com Deus que a sua parte você fez aqui, Simone Veil!

*

– Ironia de MAM é para poucos.

– E daí? MAM está pouco ligando para quem não entendeu.

– “Quanto cu$$$tou esses despachos dos Ministros do STF??” (liberando geral)

*

– Pedagogia de rede social: Po-lí-ti-ca ≠ Mo-ral ! – Vol. 3

– Problema: e quando os ~profissionais~ da política são (também)… ~amadores~ ?

E falando dos “diabos”…

*

– ~Satanás~ e a tentação no ~deserto~: o ~juristocrata~ dentro de cada um de nós – Vol. 2

E olha aí o Capiroto ~juristocrático~ em plena tentação:

???


– PÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ!! – final.

???




*   *   *

– Siga no Facebook:

– E no Twitter:

*
Achou meu estilo “esquisito”? “Caótico”?

– Pois você não está só! Clique nos links para estes artigos e chore as suas mágoas:

*

A tese central do blog:

*
Quando perguntei, uma deputada suíça se definiu em um jantar como “uma esquerdista que sabe fazer conta”. Poucas palavras que dizem bastante coisa. Adotei para mim também.

Acha importante o nosso trabalho? Fácil - clique no botão abaixo para apoiá-lo:

Facebook Comments

Romulus Maya

Advogado internacionalista. 10 anos exilado do Brasil. Conta na SUÍÇA, sim, mas não numerada e sem numerário! Co-apresentador do @duploexpresso e blogueiro.