Rompimento de Barragens no Brasil

Possivelmente o rompimento da barragem do Córrego do Feijão, localizada em Brumadinho (MG), seja aquele com o maior número de mortes até hoje no setor da mineração mundial. Os desastres de Mariana e, agora, Brumadinho, mostram a face mais perversa do descaso das autoridades públicas e dos agentes privados, gerando a perda de vidas humanas, a destruição de ecossistemas, o soterramento de comunidades e unidades operacionais e a desorganização social e econômica da região e do Brasil. Esses desastres trazem a público a discussão sobre a segurança das barragens no País. Mas, infelizmente, foca-se mais no jogo de interesses políticos do que no natural campo do domínio técnico e científico. O responsável pelo debate ser dessa forma tem nome e sobrenome composto: empresa privada transnacional.

Ler mais

Vale desnacionalizada: você soube (muito) antes aqui no Blog!

Vale desnacionalizada: você soube (muito) antes aqui no Blog! Matéria do Tijolaço. Depois reproduzida pelo Paulo Henrique Amorim (e outros). Faço um comentário, no final, sobre como a blogosfera está acostumada a

Ler mais