“Es-fake-ado”: quantos gumes tem a faca de Bolsonaro?

Atualizado 8/set/2018 – há esperança! Apesar dos esforços, “pinça” Globo/ “Blogosfera (dita!) progressista” falhou fragorosamente na sua tentativa de interditar o questionamento ao teatro de Bolsonaro.
*
Anotemos algumas sincronicidades, já que o velho Tancredo nos ensinou há muito que, em política, não há coincidências. Numa mesma semana: (i) Bolsonaro e seu guru, Paulo Guedes, reúnem-se com os donos da maior fábrica de dramaturgia – e fake news – da América Latina, a Rede Globo; (ii) a disparada de Lula nas intenções de voto é tamanha, que Ibope e Datafolha decidem esconder os resultados de suas respectivas pesquisas. Em reflexo, o “mercado” desaba; (iii) Temer – e a Lava Jato – dão o beijo da morte no rival de Bolsonaro na direita, Geraldo Alckmin; (iv) Bolsonaro, na véspera do 7 de setembro!, quando são esperadas paradas (de) militares em todo o Brasil, é “esfaqueado”. Veste camisa – verde e amarela – com os dizeres “meu partido é o Brasil”; (v) já precificando a performance de Bolsonaro, o “mercado” vai à euforia no encerramento antes do feriadão. Seria interessante anotar quem comprou na baixa com a subida de Lula e vendeu na alta com o “tombo” (pra cima!) de Bolsonaro. Será que o Paulo Guedes sabe a resposta?
O pior de tudo é constatar que, definitivamente, no Brasil atual não há mais espaço para a sutileza. Na distorção provocada pela vida que se “vive” em pixels e likes, paradoxalmente hoje apenas a canastrice, o overacting, a caricatura, é crível!

Ler mais

Verdades inconvenientes: Duplo Expresso escancara “pinça” PIG vs. GloBosfera

Alguns pseudomoralistas que fazem críticas a este Duplo Expresso por escancarar esses segredos de polichinelo dos togados do STF (no caso em questão a homossexualidade enrustida e as chantagens feitas a Carmen Lúcia) procuram razões para desacreditar o portal e seus editores, já que o DE não aceitou compactuar com as farsas, fraudes e traições no seio da esquerda aburguesada, burocratizada, corrompida, que por meio de células podres sequestraram a direção nacional do outrora Partido dos Trabalhadores e querem o espólio do maior líder político brasileiro, o Ex-Presidente Lula.

Ler mais

Análise: Facebook grita “MBL” e (patos?) vermelhos cavam a própria cova

*Atualizado 29/jul/2018 – 11:20*
No caso do MBL, o Facebook alega, vejam só, “uso de nome falso”.
E o militante de esquerda que está no Brasil? O nacionalista? Aquele que, temendo retaliações, prudentemente protege a si – e aos seus – por detrás de um pseudônimo?
Que poderá ele fazer quando o Facebook expuser sua identidade a traficantes e assassinos (incidentalmente com mandato e/ ou disputando cargos eletivos)?
Que poderá ele fazer quando o “tribunal” – privado e obscuro – de um monopólio americano próximo às NSA da vida fechar sua conta porque usa “nome falso” (sic)?
Poderá “recorrer ao Judiciário (nota: o Judiciário da Lava Jato!), como em qualquer outra quebra de contrato” – como sugere o (“globalista” e entusiasta das redes sociais americanas) Sakamoto?
Aproveita-se certo reflexo pavloviano, na sua modalidade “vermelho” vs. “azul”. Grita-se: “MBL… MBL… MBL…”!
E patos vermelhos, cegados pela rivalidade, correm para o despenhadeiro (pior: com sorriso nos lábios!).

Ler mais

Armação na “tragédia do 1º de Maio”: o prédio de SP foi implodido?

Mais uma vez o Duplo Expresso faz a meta-análise e desafia as “narrativas” paralelas – de sinais trocados – difundidas pela imprensa golpista e pela sua gêmea siamesa, a “GloBosfera”, para manipular o debate político usando a tática da pinça. Wellington Calasans, desde a emissão de 2/mai/2018 do Duplo Expresso, trouxe a palavra de expert do Clube de Engenharia da Dinamarca, estupefato com os elementos suspeitos presentes nas imagens da queda do prédio. Assista.

Ler mais

Papagaios de pirata: mas e a defesa em Brasília de Lula, hein?

Como explicar critério “editorial” que leva à escolha de foto com deputado – e não Lula! – em primeiro plano (!) para ilustrar notícia histórica? Inclusive com o rosto de Lula cortado em parte? Quem está ao centro? E quem foi colocado na condição de figurante de luxo?

Ler mais