Exclusivo: “Mercado”, lá fora, não dá Lula como morto!

O Duplo Expresso é, e seguirá sendo, “Lula de A a Z”; “Lula até as últimas consequências”. Para o Duplo Expresso, não se troca de palavra de ordem como se troca de roupa íntima usada, de um dia para o outro. Portanto, eleição sem Lula é – e continuará sendo – fraude.
Mais do que por Lula, por quem temos enorme respeito e gratidão, mantemos a nossa palavra pensando no Brasil. O país – e os seus pobres – têm na sua única liderança popular a sua, também única, esperança de derrotar o Golpe. Seja na sua vertente mais ostensiva (Globo/ Judiciário/ direita/ EUA/ Finança), seja na sua vertente intra-PT.
O Duplo Expresso é Lula. Se de todo impossível, defendemos uma anti-candidatura. Uma que chame a farsa pelo que ela é – fraude –, adotando uma tática de empate.
Em ambos os casos, defendemos que se promova uma totalização paralela à do TSE, baseada nos boletins em papel emitidos por cada urna eletrônica. Exatamente como fez Brizola no RJ em 1982.

Ler mais

Marília Arraes vs. Plano B (de Bancos): o PT renunciou ao lulismo? (vídeo)

O lulismo está ameaçado por um programa de governo – o programa Haddad – que: (i) prevê, tacitamente, a desnacionalização de ainda mais setores da economia, com “concessões” e “parcerias público-privadas” (apud Haddad), que, com a falência das empreiteiras nacionais, só poderão ser disputadas por estrangeiros; (ii) rege-se pela busca de mais “abertura de mercado” (apud Rui Falcão); (iii) contempla a queima das reservas internacionais para “pagamento da dívida pública” à Finança (apud Haddad) e não para investimentos produtivos (como no pré-sal) que reativassem a economia. Haddad, professor do INSPER, instituto e think tank da alta finança paulistana, diz mesmo a que veio.

Ler mais

Vídeo-bomba: o passo a passo da traição a Lula – e ao Brasil – dentro do PT

Depoimentos de Gleisi Hoffmann, João Pedro Stedile, Monja Coen e… Luis Inácio Lula da Silva. Mais extrato do programa Duplo Expresso de 1/ago/2018.

Ler mais

Cardozo – O Rasputin dos Trópicos é o “Laranja Podre do PT” que trabalha contra o Brasil (Parte I)

Atualizado 21/mai/2018 – 8:30
As piores leis penais brasileiras têm o DNA de José Eduardo Cardozo. Atualmente, a invasão da política pela justiça tem sido motivo das, cada vez mais frequentes, manifestações de lamento e indignação por parte de muitos juristas e políticos comprometidos com a preservação da democracia. O relator da Lei da Ficha Limpa, embrião da atual ditadura da toga, foi José Eduardo Cardozo. Convencido de que seria blindado pela grande imprensa, Cardozo foi também o mentor intelectual da Lei das Organizações Criminosas, que dá suporte aos desmandos da Lava Jato.

Ler mais

Sabotagem impediu Lula de resistir – com STF ficando livre para descumprir promessa

– Gostemos ou não disso, a grande São Paulo não é Eldorado dos Carajás – PA. Lula, Gleisi Hoffmann, demais Senadores, Deputados, Governadores de Estado, assessores, líderes de movimentos sindicais e sociais, artistas e juristas não são militantes “sem nome” do MST. A ideia de que chegariam a invadir a sede do sindicato atirando, sob as lentes da imprensa internacional, é simplesmente ridícula – quando não mal-intencionada.
– Em quem confiar? Além de Lula, que evidentemente não tem formação jurídica, a operação de confusionismo pseudo-“jurídico” articulada por José Eduardo Cardozo logrou confundir Gleisi Hoffmann, João Pedro Stédile, do MST, e Lindbergh Farias, entre outros. Apesar do grande incômodo expressado desde ontem por – certos – apparatchik do PT com mais uma “verdade inconveniente” revelada pelo Duplo Expresso, sendo eles mais ou menos responsáveis – por ação ou omissão – pelo sucesso da operação que enredou a liderança da resistência em São Bernardo, contra vídeos e áudios (abaixo) não há argumentos.

Ler mais

“Brazil (vira-lata) conference” Vol. 2: platitudes e mistificações numéricas grosseiras. Tudo “para inglês (?) ver”

“BraZil (vira-lata) conference” Vol. 2: platitudes e mistificações numéricas grosseiras. Tudo “para inglês (?) ver” Por Romulus “Reportagem” – mais

Ler mais