Nacionalismo é o caminho da unidade nacional e reconstrução pós-guerra híbrida

O elo para acabar com a estratégia do entretenimento da “direita” e da “esquerda”, aquela bobagem da “civilização contra a barbárie”, é o nacionalismo. O eleitor arrependido de Bolsonaro ou o militante de esquerda que está cansado das micaretas e cirandas precisam dialogar sem intermediários. Precisamos construir um autêntico movimento nacionalista (sem xenofobia), capaz de colocar o Brasil dos (e para os) Brasileiros acima de todos os outros interesses. Temos um país rico e estamos a testemunhar uma rendição que inclui as Forças Armadas na condição vergonhosa de “porteiro de puteiro”. Precisamos resgatar o Brasil e construir uma sociedade consciente das suas responsabilidades em relação ao próprio futuro e ao futuro do nosso país.

Ler mais

Partido da Lava Jato quer a cabeça de Gilmar Mendes

Como o seu projeto já foi rechaçado por diversos renomados juristas e é também alvo de críticas de ministros do STF, como Marco Aurélio Melo e Gilmar Mendes, Moro agora quer degolar os opositores no STF. O primeiro juiz afirmou “o ‘Projeto Anticrime’ de Moro não irá melhorar os índices de criminalidade”, enquanto Moro também viu o seu projeto reprovado pelo segundo ministro que considerou como “coisa de cretino” a proposta defendida por Moro.

Ler mais

Barulho com Haddad é “fogo amigo” para matar o candidato do povo

É um absurdo vermos que além da direita, da CIA, STF, etc. muitos petistas ainda usem canais que se apresentem como “alternativo” para que contribuam, na condição de coautores, para a prática deste crime contra Lula e, pior!, contra os mais de 40% que querem Lula presidente, mesmo estando preso.

Ler mais

Datafolha e 2018: jacaré da esquerda “pode” abrir boca e engolir direita. Condicional: “pode”!

Datafolha e 2018: jacaré da esquerda “pode” abrir boca e engolir direita. Condicional: “pode”! Por “Dom Cesar” (*) Caro Romulus,

Ler mais