O Mundo na Bolha de Plástico

Um texto vinculando o tema das memórias afetivas que carregamos com as sacolas de coisas que também carregamos. Uma pena que nossas memórias tenham uma vida muito mais curta que o plástico que usamos para vivê-las. Será possível encontrar novas tecnologias associadas ao plástico de forma a preservar o meio ambiente e as nossas futuras gerações?

Ler mais

Economia gira quando há consumo

Eu estava preparando uma mensagem-convite (“Convite para trabalho em conjunto – Reforma do Judiciário”, começando pelo cartório). Tive de parar. O artigo do prof. Delfim Netto na Carta Capital desta semana – “A Sociedade perfeita e a possível”[ii] – me obrigou a parar tudo, para escrever o que aqui vai.
É bobagem insistir em que haveria algo a aprender ‘da crise’. Deve-se aprender, isso sim, de Marx, Simmel, Marini, Lula, Dilma, PT e tantos outros. Aprende-se seja do que for, exceto ‘da crise’. Parte significativa da classe trabalhadora não consegue reproduzir-se (efeito da superexploração).

Ler mais