Duplo Expresso – Öppna Kanalen | #S02E01

Esse é o primeiro programa Duplo Expresso no Öppna Kanalen (canal via cabo em todos os países nórdicos) em 2019. Wellington Calasans e Romulus Maya iniciam a temporada deste ano com um panorama sobre o governo Bolsonaro e o papel da oposição para tentar barrar os absurdos que são anunciados.

Ler mais

Depois das Seis

Os humanos têm uma estranha sensação da certeza, mesmo sem saber exatamente de onde vem ou para onde vão. Sempre têm uma no coldre pronta para sacar. Mas, qual é a minha certeza absoluta? É que, apesar de passados 50 anos, as impressões de uma época de criança ainda povoam minha mente. Algo como uma fronteira ainda desconhecida do passado. Então eis que abro essa caixa para vocês. Quando menino, costumava brincar na rede sozinho e, ao fechar meus olhos, enxergava uma grande onda de energia, que enchia todos os lados. Parecia imagem de TV analógica quando sai do ar, mas só via isso com os olhos fechados.

Ler mais

Poder, Governo, Informação | Parte 2 de 3

Pedro Pinho dá sequência à série de artigos tratando da tríade tácita entre a ordem, a mão e a fala da ilusão. Neste segundo, ele trata do Governo. Tomando por base os governos militares que assaltaram o país a partir de 1964, ele mostra como a estrutura de poder do Estado nacional foi levada do capitalismo industrial para o sistema financeiro internacional – a banca. O combate a eventuais “surtos” de industrialização no Brasil sempre foram combatidos por nossos colonizadores, impedindo que nosso desenvolvimento desse suporte à construção da soberania nacional, à construção da cidadania e as seguranças que abrangem a pessoa, suas posses e seus direitos.

Ler mais

Marighella – O Filme

O jornalista Moisés Mendes apresenta o filme de estreia de Wagner Moura na direção – Marighella –, recentemente selecionado para exibição no Festival de Berlim em fevereiro próximo. O lançamento no circuito comercial brasileiro está previsto para a segunda semana de abril. Será que o regime atual permitirá esta “ousadia”? Será que aquele pessoal ávido por pautas conservadoras e identitárias de museus irá aos cinemas? Teremos bilheteiros e lanterninhas de coturnos, à espreita de algum guerrilheiro urbano?

Ler mais