Direito ao Ponto – A Censura instaurada no Brasil

Fechando a segunda temporada do Direito ao Ponto, Maria Eduarda Freire, denuncia a censura instaurada no país, e seus sinais mais claros advém do nosso sistema de justiça.
Maria Eduarda Freire denuncia os recentes episódios de censura perpetrados pela Justiça Eleitoral, e a perseguição aos professores e faz uma reflexão sobre o fascismo da nossa Instituição de Justiça, funcionalmente autoritária e distante dos direitos e garantias cidadãs.

Ler mais

O mal que ela nos faz

No recente artigo – Moinhos de Vento ou Reflexões sobre a Eleição de 7 de outubro de 2018 – referi-me ao triunfo do sistema financeiro internacional, a banca, em colocar temas irrelevantes para a discussão política nesta eleição.
Mas não aprofundei esta ação de mudar o foco e mesmo o entendimento das verdadeiras questões nacionais.
Denomino “pedagogia colonial” esta desinformação, entranhada no conhecimento e no imaginário de todos os brasileiros, ricos e pobres, populares ou da elite.

Ler mais

A importância do refino de petróleo no cenário mundial

As atividades de refino e logística não são importantes apenas para o Brasil e para a Petrobras; elas são fundamentais para todos os países e para as grandes empresas petrolíferas, privadas ou estatais, como a ExxonMobil, Shell, Rosneft e CNPC.
Nos Estados Unidos e China, a capacidade de refino de petróleo é muito superior à capacidade de produção. Na Rússia, segundo maior exportador de petróleo do mundo, a capacidade de refino é duas vezes maior que o consumo. No Brasil, a capacidade de refino é inferior tanto à capacidade de produção de óleo equivalente quanto ao consumo.

Ler mais

Duplo Expresso 29/out/2018

Destaques:
– O especialista em Minas e Energia, PhD em Engenharia na área do petróleo, Paulo César Ribeiro Lima comenta: “As perspectivas do setor energético com o novo presidente”
– A Economista, doutora em Políticas Públicas e mestre em Planejamento e Desenvolvimento Econômico Ceci Juruá fala sobre: “A previdência social e sua não dívida”
– O jurista Luiz Moreira comenta: “Eleições presidenciais e a tarefa das oposições”
– Romulus Maya e Carlos Krebs fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

Duplo Expresso de Domingo 28/out/2018

Destaque:
– Wellington Calasans, Romulus Maya, Carlos Krebs, o cientista político Felipe Quintas, a socióloga Thaís Moya, a comentarista de assuntos jurídicos Maria Eduarda Freire, o antropólogo João de Athayde, o artista visual e ativista Sama, o politólogo e analista internacional Eduardo Jorge Vior, a arquiteta Patrícia Vauquier, o advogado Samuel Gomes e o convidado especial Senador Roberto Requião debatem sobre o resultado das eleições 2018.

Ler mais

Os primeiros passos da resistência ao Regime Bolsonaro

No esforço comum de articular a resistência, desde já, à iminente instauração do Regime Bolsonaro, a socióloga Thais Moya vem editando recortes do programa Duplo Expresso para facilitar a disseminação do conteúdo. Trata-se de pleito antigo dos “expressonautas” que é agora atendido. Isto é, tanto quanto possível. Portanto, pedimos a todos que ajudem a divulgar para “não iniciados” estes vídeos mais curtos, para que possamos avançar no esforço de articulação da resistência a esta nova fase do Golpe. Afinal, mais do que nunca precisaremos dela. E logo.

Ler mais

Duplo Expresso 26/out/2018

Destaques:
– O politólogo e analista internacional Eduardo Jorge Vior fala sobre as implicações internacionais do (muito possível) triunfo de Bolsonaro.
– O artista visual e ativista Sama e o antropólogo João de Athayde comentam: “Os novos Meninos do Brasil”
– Romulus Maya e Carlos Krebs fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

Faltam-nos instituições contramajoritárias ou da incompreensão do papel do STF

A comunidade jurídica brasileira, sobretudo a acadêmica, padece de uma ignorância incrível. Desde a promulgação da constituição de 1988 defendeu que tanto judiciário quanto ministério público tivessem “vontade política” para transformar a sociedade.
Evidentemente, ao ter vontade política o sistema de justiça abdicou de seu papel contra majoritário, agindo como se seu poder emanasse do voto.

Ler mais

Duplo Expresso 24/out/2018

Destaques:
– O advogado Samuel Gomes e o Secretário Executivo da Fundação Nacional Leonel Brizola e presidente do PDT do Paraná André Menegotto comentam: “O Brasil que surge das urnas”
– A arquiteta, mestra em Engenharia Civil e doutora em Administração de Empresas Patrícia Vauquier fala sobre: “A Violência dos Ricos”
– Romulus Maya e Carlos Krebs fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

2018: o que deu errado (e o que fazer)

– Dilema da esquerda em 2018: entre encontrar o seu rumo e a derrota total;
– “ZapGate”: com Bolsonaro eleito, Finança guarda prova para fazer chantagem;
– 2018: o que deu errado (e o que fazer).
3 trechos do Duplo Expresso de Domingo 21/out/2018. Com Romulus Maya, Carlos Krebs, a socióloga Thaís Moya e o cientista político Felipe Quintas.

Ler mais

Exclusivo: Muniz Sodré fala ao D.E. sobre necessidade de debater as redes sociais

O editor e apresentador do Duplo Expresso Wellington Calasans reuniu na mesma live o jornalista angolano Wilson dos Santos e o filósofo brasileiro Muniz Sodré para uma conversa sobre fake news, redes sociais e muitas outras variações em torno da comunicação atual.
Assista ao vídeo e conheça um pouco mais sobre a nova forma de comunicar e sobre um tema que sequer é comentado na imprensa brasileira, o ataque da imprensa europeia com fake news contra Angola e a tentativa de promoverem um desgaste entre Angola e Congo Democrático.

Ler mais

Moinhos de Vento ou Reflexões sobre a Eleição de 7 de outubro de 2018

Desde que a banca, como designo o sistema financeiro internacional, assumiu o poder e mesmo antes, quando destronava o capitalismo industrial, o desmantelamento dos Estados Nacionais vem sendo um de seus objetivos. E dos mais incisivos.
Nesta e em outras ações, a banca busca colocar questões que não evidenciem seus objetivos, desconcertem os opositores, ganhem adeptos e iludam a todos. Dentre estas estão as questões que denomino transversais, pois são comuns a todas as sociedades, representam um momento da construção civilizatória.

Ler mais

O petróleo no Brasil e a importância do refino para a Petrobras

Desde a sua criação, a história da Petrobras foi marcada por dificuldades, mas também por perseverança e sucesso. Ao iniciar suas atividades, a empresa dependia, quase que exclusivamente, da importação de materiais, equipamentos, serviços e recursos humanos especializados. Não havia no Brasil grande experiência na indústria petrolífera. A dependência externa em um setor estratégico era, assim, um fator crítico. Mas a dificuldade serviria como desafio.

Ler mais

Sobre militares no Brasil | A fala do professor Piero Leirner

“A fala do professor Piero Leirner é o que de mais interessante e importante encontramos até hoje sobre militares. Deve ser ouvido, visto, transcrito, impresso, lido, discutido, de cabo a rabo, em todo o Brasil, em todas as frentes. Principalmente a parte sobre o projeto do golpe militar já estar em construção há muito tempo”.

Ler mais

Duplo Expresso 22/out/2018

Destaques:
– O especialista em Minas e Energia, PhD em Engenharia na área do petróleo, Paulo César Ribeiro Lima comenta: “A importância do refino para a Petrobras e o plano de Bolsonaro de manter estatal o ‘miolo’ da empresa”
– A socióloga Thais Moya fala sobre: “O que nos restará em 29/10”
– Romulus Maya e Carlos Krebs fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

Dilema da esquerda em 2018: entre encontrar o seu rumo e a derrota total

A construção da “frente democrática” liderada pela candidatura de Fernando Haddad se mostra como a capitulação do PT diante das pressões para se tornar uma espécie de New Labour dos trópicos e adotar uma agenda “social-liberal”, em essência a mesma adotada desde 2015 por pressão do despotismo corporativo e que conduziu o país a essa situação de medo generalizado.
É preciso que haja a defesa intransigente do projeto nacional-popular, associada à denúncia da candidatura de Jair Bolsonaro como a continuidade do projeto neoliberal (e não “fascista”) de entrega total do país, iniciado na redemocratização e aprofundado com o PSDB no governo FHC.
Ainda que a candidatura de Fernando Haddad não logre ser vitoriosa, se assim proceder, dará o rumo e a direção que hoje faltam à esquerda, atordoada pelo medo semeado pelos grupos interessados em ter direita e esquerda na sua mão, como dois lados da mesma moeda.

Ler mais

Duplo Expresso 19/out/2018

Destaques:
– O artista visual e ativista Sama fala sobre: “Partiu Berlin”
– O politólogo e analista internacional Eduardo Jorge Vior comenta: “Bannon, Brasil e Argentina”
– O jurista Luiz Moreira fala sobre: “Lei eleitoral e o poder econômico como ameaça à democracia”
– Wellington Calasans e Romulus Maya fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

Duplo Expresso 17/out/2018

Destaques:
– O advogado Samuel Gomes comenta: “A soberania nacional e o segundo turno das eleições”
– A arquiteta, mestra em Engenharia Civil e doutora em Administração de Empresas Patrícia Vauquier fala sobre: “A perseguição ao partido de esquerda France Insoumise e a repercussão da reta final do segundo turno no Brasil”
– Wellington Calasans e Romulus Maya fazem a análise da conjuntura política.

Ler mais

Haddad e Joaquim Barbosa: visita da saúde? Ou a volta do Ceifador?, por Luiz Moreira

A transformação de Joaquim Barbosa de algoz do PT a responsável pela política jurídica de eventual governo Haddad é verdadeira alquimia, que merece profunda reflexão, pois se sua atuação interditou quadros históricos do PT e possibilitou criminalizar a política, parece inquestionável que trouxe benefícios vários a outras figuras.
Ainda voltarei a essa questão, mas após o segundo turno.

Ler mais

Na minha terra tem palmeiras onde canta o eu sabia já

Os olhos do observador distante inspiram o antropólogo João de Athayde a ousar a composição de uma nova Canção do Exílio. Neste texto é estabelecido um paralelo entre os seus sentimentos – na condição de brasileiro residente no exterior – e a poesia romântica “Canção do Exílio” de Gonçalves Dias, escrita em 1843. No entanto, se com Gonçalves Dias houve uma clara demonstração de exaltação aos sentimentos nacionalistas, temos na intervenção de Athayde uma ácida crítica ao complexo de vira-latas que caracteriza o atual cenário político brasileiro.

Ler mais

Duplo Expresso na Escandinávia

Duplo Expresso nos Países Nórdicos: O Economista e Professor de Economia, Ladislau Dowbor, a nossa comentarista de assuntos jurídicos Maria Eduarda Freire e o convidado Edgard Antunes Dias Batista ampliaram o nosso alcance e a manutenção do compromisso de apresentar uma realidade diferente daquela enviada pelas agências de notícias.

Ler mais